segunda-feira, agosto 15, 2022
Início.CelebridadeJames Earl Jones

James Earl Jones

James Earl Jones está encorajando os americanos a tomarem o controle de suas condições e administrar a diabetes tipo 2
James Earl Jones está encorajando os americanos a tomarem o controle de suas diabetes tipo 2

James Earl Jones está se movendo para as linhas de frente da contínua epidemia de diabetes que assola a América.

O premiado ator fez uma parceria com a empresa farmacêutica da Johnson & Johnson, Janssen Pharmaceuticals, para ajudar os americanos a gerir as suas diabetes tipo 2 através do ICanImagine.com. Através do site, os visitantes podem assistir a um quiz interativo para descobrir traços comportamentais que podem ajudá-los a assumir o controle de sua condição.

Para Jones, viver com a doença crônica – que afeta a forma como o corpo processa o açúcar no sangue – há mais de 20 anos foi um fator que o levou a partilhar  publicamente o seu testemunho pessoal pela primeira vez.

“Eu estou ciente da missão de que todos nós temos de conviver bem com a diabetes. Eu sempre serei um diabético, mas há maneiras de se viver bem com isso, há uma maneira certa de se viver para que possamos continuar trabalhando”, disse Jones durante uma entrevista com o The Huffington Post. “Eu estou com 85 anos, mas ainda trabalho. Eu ainda posso fazer oito shows de teatro [Broadway] em uma semana. E eu amo isso. Eu amo mais ainda o fato de ser ativo na minha vida. Mas o mais importante é que controlo o diabetes, porque eu sempre serei um diabético”.

Obtendo o seu diagnóstico no início dos anos 90, Jones disse que ele então se matriculou em um programa rígido para ajustar o seu peso e fazer uma dieta. O lendário ator também trabalhou em um tipo de plano de tratamento do diabetes 2 com os médicos para ajudar a reduzir seus níveis de açúcar no sangue.

Apesar do “choque” inicial com o seu diagnóstico de diabetes tipo 2, Jones acrescentou que ele era um sujeito de “sorte” por lidar com esta condição logo em seu início.

“Eu sabia que certos grupos étnicos estão em maior risco de diabetes tipo 2”, disse ele. “As pessoas mais velhas estão em risco, a minha mãe tinha. Então, eu deveria ter sido alertado, mas não. Uma coisa que pensei foi: ‘Isto nunca vai acontecer para mim’. Então quando foi descoberto, e foi por acidente, eu me senti com sorte”.

James Eal Jones contracenou com Harison Ford no filme "Perigo real e imediato" de 1987
James Eal Jones contracenou com Harison Ford no filme “Perigo real e imediato” de 1987

De acordo com a American Diabetes Association , 1,4 milhões de americanos são diagnosticados com diabetes a cada ano. Entre eles, nativos americanos, hispânicos, africanos-americanos e asiáticos-americanos estão em maior risco de desenvolver diabetes tipo 2 do que outros grupos étnicos. A associação de saúde cita mudanças de estilo de vida, medicamentos orais e insulina como formas de gerir a doença.

Com esse fato em mente, ex-presidente da seção de Medicina e Ciência da Associação Americana de Diabetes, Dr. John Anderson, MD., desmistificou um mito comum que é freqüentemente associada ao diabetes.

“Como qualquer doença crônica, há uma série de mitos por aí. Um deles é que você pode curar o diabetes se você comer direito e praticar exercícios o suficiente”, disse o Dr. Anderson para o HuffPost. “Eu gostaria que isso fosse verdade. Você não pode curar a diabetes, mas certamente você pode colocar a sua diabetes sob um bom controle com hábitos de vida saudáveis e uma combinação de medicamentos prescritos por seu médico”.

Somando-se a este ponto do Dr. Anderson, Jones gostaria que mais pessoas “estivessem cientes de que podem estar em risco” e alerta “que há médicos disponíveis para ajudar a controlar a doença”.

“Eu certamente gostaria de encorajar as pessoas a realizarem mais exames”, disse Jones. “Você nunca vai fazer a diabetes ir embora, mas você pode torná-la melhor”.

 

http://www.huffingtonpost.com/

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS POPULARES