segunda-feira, junho 27, 2022
Início.ArtigoO que preciso saber sobre o Diabetes Mellitus tipo 2?

O que preciso saber sobre o Diabetes Mellitus tipo 2?

O DM2 caracteriza-se por ser uma doença crônica que desencadeia um aumento de glicose (açúcar) no sangue. Ele atua diretamente sobre a ação da insulina, que é o hormônio responsável pela redução da quantidade de glicose em circulação no organismo. Quando a pessoa tem o diabetes tipo 2, o corpo cria uma resistência à insulina ou não a produz em quantidade satisfatória.

Dentre os sintomas, podemos destacar o aumento da sede, demora na cicatrização de feridas, micção frequente, neuropatia, fome, cansaço, visão turva entre outros. Muitas vezes pode não haver sintoma algum, e os tratamentos incluem dieta, exercícios físicos, medicamentos e terapia com insulina

O diabetes mellitus do tipo 2 é o mal que assola a população mundial no início deste século XXI. Só não é intensamente combatido tal qual a Covid 19 porque além de não ser contagioso, também não causa uma morte impactante e imediata. Porém, se verificarmos o prejuízo que deixou nos últimos anos, iremos constatar que provocou um estrago pandêmico.

Para se ter uma ideia da ordem de grandeza do DM2 no Brasil, ao observarmos um ônibus lotado no trânsito que esteja com 60 passageiros, podemos garantir que pelo menos 6 pessoas em seu interior possuem diabetes do tipo 2. E o pior de tudo é que dentre essas 6 pessoas, 3 delas não sabem que têm o diabetes.

O desconhecimento da doença é bastante comum, pois seus sintomas podem levar anos para surgir, mas surgem, e o diabetes é implacável com aqueles que não se cuidam. O diagnóstico tardio é o pior dos casos. Porém, quando descoberto em seu início, o diabetes do tipo 2 se torna menos traumático e com o tratamento adequado, é de fácil convivência. Os exames preventivos são relativamente simples e confiáveis.

O problema é que boa parte das pessoas com DM2 só descobrem a doença após sentirem alguns dos terríveis efeitos que a falta de cuidados pode causar. Em situações extremas, pode haver amputações e cegueiras. A neuropatia, que provoca dores intensas nas extremidades do corpo, é também um incômodo bastante comum.

A boa notícia é que tão logo se inicia o tratamento, é possível reverter os piores sintomas rapidamente. Uma dieta saudável, com diminuição do consumo de carboidratos, refrigerantes, comida industrializada e a consequente perda de peso, já produz excelentes resultados.

Isto propiciará ao indivíduo começar a prática de uma atividade física, que pode ser uma simples caminhada. O que não pode é ficar parado, pois uma vida sedentária agrava os problemas trazidos pelo diabetes do tipo 2.

O DM2 é uma das condições mais pesquisadas atualmente pela indústria farmacêutica. Novos medicamentos são lançados frequentemente vindo a aliviar cada vez mais a vida do diabético. E isto é um bom motivo para fazer consultas regulares ao médico, algo fundamental para um bom tratamento.

Independente de tudo, o diabetes é a doença cuja participação do próprio paciente é primordial para um bom controle. Procure aprender tudo o que puder sobre alimentação, atividade física, e viva uma vida saudável. Isto certamente irá mudar o seu futuro para muito melhor.

 

 

Raquel Limonge – Diabética, psicóloga e editora do TiaBeth.com

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

MAIS POPULARES